Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

it's carol

Um blog sobre tudo. Sobre o que me apetecer. Acima de tudo, sobre o que sou.

27.Ago.18

Relato dos últimos dias de agosto

carol
A cinco dias de setembro, são muitos os que fazem aquela contagem decrescente dolorosa qb. Sei que, ainda assim, há muitas pessoas de férias num mês que não seja o mês de agosto, mas é para a maioria que me dirijo. Podem não querer admitir algum nervosismo, no entanto eu consigo senti-lo daqui. Admitam, os últimos dias de agosto são um tanto ou quanto perturbadores, até para quem não começa a trabalhar logo no início de setembro. Para mim, esta contagem decrescente pode (...)
15.Jun.18

Portugal, Mundial, Final. Até rima.

carol
Chegou aquele momento do ano Em que o país se une para ver a bola. Temos o Cédric, o Patrício e o Cristiano Até os imaginamos a jogar sem camisola.   Mas a equipa não se fica por aqui, Ao todo são 23 os convocados. Pensava que iam levar o Nani Afinal foram outros os chamados.   É na Rússia que nos concentramos agora, A terra das matrioskas. Para brincar às bonecas estamos de fora. Nós queremos é ir lá fazer as nossas maroscas.   Até temos o Shawn Mendes a cantar para nós.
12.Out.17

Vamos ao Mundial, mas antes eu preciso de descansar!

carol
Está a ser uma daquelas semanas que parece ter tido direito a prolongamento. Houve um empate entre a agitação e o cansaço. Os minutos têm-se estendido para lá do tempo regulamentar, essa é a verdade. O que queria mesmo era fazer uma finta a estes dias compridos e ocupados, chutar para canto o trabalho [que não tem sido pouco] e pedir a substituição por uma semana que me permita, ao menos, usufruir de mais horas de sono. Ser convocada [pelas tarefas da vida] tem o seu lado bom, (...)
23.Abr.17

Futebol para polícias

carol
Interessantes estes últimos jogos de futebol. Pouco percebo sobre o assunto [é verdade], mas prefiro arriscar levar um cartão vermelho a ficar no banco. E esqueçam lá os clubes [eu nem sequer sou de nenhum] porque não é sobre eles que escrevo. Já repararam como o futebol está a sofrer uma reviravolta? Os jogos são agora feitos para a Polícia. Sempre que há jogo, os polícias reúnem-se [e não são poucos]. Fardados e armados [e com tudo a que têm direito]. São mais contidos (...)