Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

it's carol

Um blog sobre tudo. Sobre o que me apetecer. Acima de tudo, sobre o que sou.

27.Set.17

Os sonhos andam para a frente quando sonhas de pé.

carol
Sou uma sonhadora compulsiva. Tenho sonhos. Muitos. Alguns esqueço, outros estão constantemente na minha memória. Os primeiros [aqueles que esqueço] costumam aparecer à noite e desaparecem ainda antes de os poder tapar com os lençóis enquanto faço a cama. Os segundos [aqueles que a memória não apaga] aparecem de dia e adormecem comigo depois de o sol se pôr. Sonho com muito. Sonho que fujo, salto, corro, rio, choro, estou sozinha, acompanhada, em casa, na rua, na faculdade, num (...)
03.Ago.17

Vou ser uma avó bué cool?

carol
Em conversa com os meus amigos [aquelas conversas que metem ao barulho todo o tipo de assunto a que ninguém consegue ficar em silêncio] questionámo-nos sobre como vamos ser quando formos velhos. Temos 19 anos. Gostamos de pensar muito à frente. Começámos a imaginar-nos com 80 anos. Chegámos à conclusão que vamos ser uns velhos muito avançados para o nosso tempo. E como é que chegámos a esta conclusão? Simples. Quando formos velhos vamos dizer coisas como "ya", "bué", "lol" e (...)
16.Mai.17

Para os insatisfeitos. De alguém.

carol
Não queria ouvir. Mas ouvi. E ainda bem. Cruzamo-nos com conversas por aí e eu cruzei-me com uma que me ofereceu uma frase maravilhosa. Apontei-a à pressa antes que a memória me falhasse. E venho partilhá-la convosco. Porque sim, apenas por isso. Sem tirar nem pôr, soou tão bem. Soou assim: "uma pessoa que goste de nós e uma casinha com um teto sabe-nos a pouco, mas faz-nos muita falta". Foi sincera. E tocou o coração. O meu, o de quem a disse e o de quem a ouviu. Quando estamos (...)
28.Mar.17

O refeitório da minha universidade

carol
Os meus últimos dias têm-se resumido muito a estar na universidade [para não dizer: viver na universidade]. Sou das primeiras a chegar [sempre que os transportes cooperam] e muitas vezes fico até ao fim [tipo, final da tarde/início da noite]. Que eu saiba, não há nenhuma competição a decorrer para "Quem passa [e se passa!] mais tempo na universidade", mas se houvesse eu ficaria num lugar do pódio, podem ter a certeza. O que quero dizer com tudo isto é que passo o dia aqui [estou cá (...)
22.Mar.17

Com o coração em Londres. E no resto do mundo.

carol
O que é que está a acontecer? Mas que mundo é este? Que pessoas são estas? Porque é que não há respostas para estas perguntas? Porque é que têm de haver estas perguntas? Porquê? [permitem-me que seja egoísta] Mas já que só cá vivemos uma vez, então que seja para aproveitar a sério. Quero poder sair à rua sem medo de não regressar a casa, quero poder viajar sem ter receio deixar a viagem a meio, quero poder encontrar-me com amigos em sítios onde outras pessoas também se (...)