Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

it's carol

Um blog sobre tudo. Sobre o que me apetecer. Acima de tudo, sobre o que sou.

28.Ago.19

Às páginas tantas [#13]

carol
O livro sobre o qual vos escrevo desta vez nunca [ou muito pouco provavelmente] teria vindo parar às minhas mãos se não fosse graças à sua adaptação ao cinema. Mais precisamente, à escolha dos atores para essa mesma adaptação. Portanto, um breve aplauso à união do universo da escrita ao universo do cinema [que, até mesmo quando um não consegue completar o outro, sem (...)
24.Ago.19

"Primeiro" verão na cidade

carol
Também há verão na cidade. Há o som das rotinas e o aroma da familiaridade de quem está a dois passos de casa. O despertador aproveita-se e, só para não ser desmancha prazeres, faz questão de continuar a tocar bem cedo. Mas sorrimos para ele, com mais esforço do que gostamos de admitir, porque queremos acreditar que aqueles bips desenfreados são uma qualquer música latina que toca no bar da praia em que ainda nem sequer pusemos os pés. Se o instagram bronzeasse, nem a (...)
15.Jul.19

Uma estagiária à janela

carol
Gosto de encontrar nas janelas todas as metáforas que se desenham para lá dos vidros. É reconfortante saber que esse "para lá" está sempre nas mãos de quem está do lado de cá. E não há nada como ter presente que existem outras saídas, que quando uma porta se fecha, abre-se uma janela. Estou a estagiar há quase dois meses. Neste período de tempo [mais coisa menos coisa] conclui a licenciatura [uns dias depois de ter escrito este último post (...)
06.Abr.19

21 primaveras e mais umas quantas estações

carol
21 primaveras. Já cá cantam 21 uma primaveras. E o melhor de tudo isto é poder ter vivido, em todas elas, um pouco de todas as estações. A verdade é que a meteorologia da vida tem muito para nos ensinar. Posso ainda saber muito pouco sobre os fenómenos meteorológicos, mas sei que não me posso esquecer do casaco quando preveem um dia com ventos fortes, que é sempre bom proteger a pele do sol nas horas de maior calor e, mesmo que não me costume lembrar, já aprendi que o dia tem (...)
02.Abr.19

Oh, abril!

carol
Oh, abril. És um mês tão bonito. És todas as estações que se vestem entre um casaco quentinho ainda no roupeiro e uma t-shirt leve puxada à pressa da gaveta. Aqui entre nós, gostas que falem de ti, gostas que digam que confundes as pessoas, que as arrastas para o sol e as fazes correr para longe da chuva surpresa. Pintas céus brilhantes e coloridos. Isto, claro, quando não estás muito virado para o cinza escuro. Trazes sempre a chuva envergonhada do resto do ano. Até te (...)
19.Mar.19

Encerrar uma questão prévia

carol
Há dias [talvez até semanas] que ando com uma palavra aqui entalada. A mim, alguém que as estima como estimamos um objeto com um valor sentimental insubstituível. Não é pela palavra em si, é a frustração de a ter escrito, enviado e só depois me ter apercebido de que a utilizei mal. Mas foi sem querer. E agora parece que está sempre a surgir. Em conversas alheias, nas notícias online, nas folhas deixadas por aí. Pronto, nas folhas talvez não, já ninguém deixa folhas por aí (...)