Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

it's carol

Um blog sobre tudo. Sobre o que me apetecer. Acima de tudo, sobre o que sou.

19.Out.18

Estação incerta. Certa de que é estação.

carol
Sua estação incerta. De manhã, já custa sair do quentinho dos lençóis. À tarde, já não se passa sem calçar aquelas meias quentinhas. À noite, já só apetece vestir o pijama polar. Em casa. Na rua este tempo veste-se da bipolaridade. Bem cedo, não dá para perceber se vai nevar ou se estarão 40 graus à sombra. Ainda assim, sabe bem um casaquinho. Que, dali a umas horas, parece o casaco mais quente que tínhamos no roupeiro. Afinal, se ainda estava bom para sandálias, por (...)
15.Out.18

Assim Nasce Uma Estrela. E todas as constelações.

carol
 [Este post NÃO CONTÉM SPOILERS]  Se me mudasse definitivamente para uma sala de cinema agora, nem dava por isso. De repente, parece que todos os filmes que estava à espera para ver decidiram estrear ao mesmo tempo. A verdade é que o cartaz vai-se pintando à minha medida que nem um quadro que gostaria de ter na parede do quarto. Não tarda e começo a achar pequeno o ecrã da televisão da sala, (...)
12.Out.18

Simples assim. E bonito. [It's Youtube #5]

carol
Sabem quando nem dão por isso, mas passam horas a ver os vídeos sugeridos pelo youtube? Sugestões que se tornam sugestões das sugestões das sugestões, estão a acompanhar? Foi nessa viagem infinita que encontrei este vídeo. Nem havia como não partilhá-lo aqui. A simplicidade das coisas [e das pessoas] tem uma capacidade tão complexa de as despir de complexos e torná-las simplesmente em momentos bonitos. Simples assim.      Das coisas bonitas que se encontram por essa internet fo (...)
05.Out.18

É por isso que nos queremos tão iguais?

carol
Acho que nunca tinha visto a água deste rio tão límpida. O sol acaricia-a e ela brilha como uma criança feliz depois de deixar os pais orgulhosos. Se me debruçar, também me consigo ver. Ainda não me habituei à minha nova imagem. Cortei o cabelo pelas orelhas. O formato está estranho, mas o que pode ser mais estranho do que aquela cor que tinha, a viajar entre o branco e o amarelo? Ao menos está novamente preto. Bem escuro. Lá no trabalho disseram-me que a minha (...)