Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

it's carol

Um blog sobre tudo. Sobre o que me apetecer. Acima de tudo, sobre o que sou.

26.Abr.17

Escrever à mão [ainda sabem como isso se faz?]

Estive de férias da faculdade durante três semanas. Retomei [supostamente] a rotina de estudante universitária hoje. É sempre difícil voltar a acordar às 6 da manhã todos os dias, mas nem tudo é mau [aliás, pouca coisa é má, tirando o facto de já não poder passar o dia sem fazer nada]. E depois destas três semanas voltei a escrever à mão. Não sei se já vos aconteceu [a mim acontece-me sempre que passo alguns dias sem pegar numa caneta para escrever num papel] sentirem que não sabem escrever. As palavras das últimas semanas [porque as tenho sempre] escorregavam dos dedos para o teclado e já não estavam habituadas a ser desenhadas numa folha de linhas. Sinto sempre [em dias como o de hoje] que voltei ao primeiro ano. Que não sei escrever e que, de repente, a minha letra passou a ser a letra mais feia de todas as outras dos cadernos do lado. E, uns minutos depois de escrever [e de parar de pensar que a letra está horrível], volta a sensação de que escrever à mão é a melhor coisa do mundo. Um desenho único e que [mesmo que desajeitado] nunca poderá ser substituído pela musicalidade das teclas de um computador. Cada vez escrevo menos com a caneta. E não gosto disso. É mais prático e talvez fique mais bonito utilizar uma folha do word, mas não há nada como a emoção de desenhar a nossa letra [mais feia ou mais bonita] numa folha em branco. É a nossa letra e eu ainda me lembro de reconhecer as pessoas através das letras [estou a referir-me aos bilhetinhos que todas as crianças escrevem nas salas de aula e passam umas para as outras secretamente com aquele entusiasmo inocente que só quem está a fazer a coisa mais ilegal do mundo sente]. Escrevam à mão. Uma vez por outra. Nem que seja apenas para deixar um recado [ou para ver se a tinta da caneta não secou]. Mas não deixem o desenho cair no esquecimento. E continuem a reconhecer as "vossas" pessoas através dos desenhos delas [alguns mais desenhos que letras]. É tão bom ver a tinta da caneta chegar ao fim.

 

Se criasse um blog em papel, acompanhavam?

 

Carol

ciaoiyuiyuiyuiuy-2.jpg

 

[Não se esqueçam de deixar o vosso like na página de facebook do blog]