Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

it's carol

Um blog sobre tudo. Sobre o que me apetecer. Acima de tudo, sobre o que sou.

29.Jun.17

À procura do inverno na cama [numa noite de verão]

A vida é feita de escolhas. E agora, no verão, o segredo para dormir bem é saber escolher entre o lado fresquinho ou aquele lado bem quentinho da cama. O problema é que ao escolhermos o lado fresquinho [todos escolhemos esse lado] estamos a torná-lo [inevitavelmente] o lado quentinho. Ou adormecemos em 30 segundos com a cabeça na parte onde a almofada ainda está fria ou simplesmente não adormecemos. É assim. Fazemos a nossa escolha [a pensar que sabemos tudo sobre o assunto, só porque achamos que sabemos sempre tudo] e depois levamos com o outro lado da nossa escolha [que neste caso se trata do lado quente da cama]. E não é sempre assim? Não agimos diariamente à procura do conforto de uma almofada fresca numa noite quente de verão? Do lado que nos deixa confortáveis, que não nos faça transpirar e que nos deixe descansar. Só nos esquecemos que as decisões que tomamos trazem consequências. Até a decisão mais simples, a mais óbvia, aquela que nos oferece 30 segundos de frescura. Até essa decisão traz graves consequências para as nossas horas de sono. O melhor mesmo é não pensar muito. Às vezes é bom agir por instinto. No verão procuramos o lado frio das coisas, é para lá que nos puxa o instinto e o sono. Não pensemos tanto. Comecemos a aproveitar mais a frescura dos tempos quentes [mesmo que isso implique dispensarmos 30 minutos da nossa noite à procura do inverno na nossa cama]. A vida é feita de escolhas e no verão esta é uma das mais ingratas. 

 

Sempre me ensinaram que há decisões que não devem ser tomadas de cabeça quente, exatamente por isso é que escolho sempre o lado frio da almofada!

 

Carol

1 comentário

Comentar post